Quais são os efeitos da perda dentária?

A perda dentária é uma realidade enfrentada por milhões de pessoas todos os anos. E, mesmo não sendo algo confortável, muitas não procuram atendimento odontológico imediato, especialmente se o dente perdido for do fundo da arcada.

Mas, é importante entender que a perda dentária não se trata apenas de uma situação estética. Se ela não for reparada com uma prótese ou implante dentário, o paciente poderá sofrer com outros problemas a médio e longo prazo. Vamos conhecer os principais?

Veja quais as consequência de não reparar a perda dentária

Perda eficiência mastigatória

Independente da localização do dente perdido, a perda dentária pode sobrecarregar toda a arcada. O resultado é um impacto negativo na eficiência mastigatória, além da movimentação dos dentes vizinhos – que podem entortar de forma permanente.

Risco maior de desenvolver cáries

Com um espaço maior entre os dentes, restos de alimentos ficam presos com maior facilidade. E isso também pode prejudicar a higienização, o que favorece o aparecimento das cáries.

Os dentes ficam mais sensíveis

Como já apontamos, não reparar um ou mais dentes perdidos pode causar o movimento de todos os outros na arcada. E isso afeta também a raiz dos dentes que, se ficarem expostas, trazem à tona a sensibilidade dental.

Novas perdas dentárias podem acontecer

Com tantos impactos na arcada dentária, a saúde bucal é seriamente afetada! E a consequência mais séria é o risco maior de novos dentes caírem.

Por isso é fundamental buscar atendimento emergencial após uma perda dentária para reparar o problema. Clique aqui se você ainda tem dúvidas sobre os tratamentos!

Related Post

Publicado por


Comentários no Facebook