Retração Gengival: como tratar casos de raiz exposta

A retração gengival é um assunto bastante comum nos consultórios e uma das principais causas da sensibilidade nos dentes. Também conhecida como recessão gengival, ela acontece quando o rebordo do tecido gengival se afasta do dente, deixando-o exposto e aparentemente mais longo. Casos como esse, podem acontecer apenas em um único dente ou em vários ao mesmo tempo. Continue lendo “Retração Gengival: como tratar casos de raiz exposta”

Extração do dente siso para pacientes que já estão em tratamento ortodôntico. Veja como é feito!

Junto do aparelho ortodôntico vêm muitos cuidados. O paciente deve aprender a lidar com uma lista cada vez maior de recomendações e cuidados necessários com o aparelho. Ter atenção com o dente siso também pode ser um desses cuidados. Esse dente é um verdadeiro incômodo: aos poucos, ele pressiona a gengiva para nascer. Mas, algumas vezes, não existe espaço ideal na boca para o surgimento desse novo dente e ele pode acabar “espremendo” os dentes restantes da arcada dentária. Esse processo pode atrapalhar o rumo do tratamento ortodôntico, mas apenas se a extração não ocorrer. Esse artigo explica como isso acontece, tire aqui suas dúvidas. Continue lendo “Extração do dente siso para pacientes que já estão em tratamento ortodôntico. Veja como é feito!”

DTM: Em quais casos a cirurgia é necessária?

A disfunção temporomandibular (DTM) é um grave problema que pode acometer a saúde bucal de qualquer pessoa. É um termo que engloba problemas clínicos que incluem músculos da mastigação, articulação temporomandibular (ATM) e as estruturas associadas. A DTM é o diagnóstico mais comum quando pacientes reclamam de dor ao mastigar, falar e até mesmo respirar. Por mais comum que seja, o tratamento para essa doença pode ser diferente em cada caso, sendo a cirurgia uma opção. Mas, ela só costuma ser indicada em situações específicas. Saiba aqui, o quanto o método cirúrgico é necessário, tire sua dúvidas.

Continue lendo “DTM: Em quais casos a cirurgia é necessária?”

Respiração pela boca é prejudicial à mastigação e pode provocar problemas bucais, como a xerostomia

Respirar pelo nariz e soltar pela boca. Você certamente já ouviu essa recomendação em algum lugar. Não por acaso, ela é realmente a melhor forma de se respirar. Contudo, é comum encontrar muitas pessoas que fazem a respiração pela boca – e não pelo nariz. Para alguns pode ser encarado apenas como um hábito, mas para outros pode ser consequência de problemas respiratórios causados por alergias, por exemplo. A verdade é que essa prática não é certa e pode desencadear outros novos problemas, como na saúde bucal, afetando ainda a mastigação.
Continue lendo “Respiração pela boca é prejudicial à mastigação e pode provocar problemas bucais, como a xerostomia”

Gengivite pode ser hereditária?

A gengivite é uma doença que afeta a gengiva e pode ser notada na presença de alguns sintomas como sangramento, que pode surgir durante a escovação, e inchaço gengival. O problema, em geral, é fruto de uma higienização inadequada ou até mesmo a falta dela. Entretanto, seria esse o único agente causador? É possível que, mesmo mantendo uma boa limpeza, o paciente contraia a gengivite por fatores hereditários, por exemplo? Confira as respostas sobre o assunto!

Continue lendo “Gengivite pode ser hereditária?”